Uso de máscara passa a ser obrigatório na avenida Beira-Mar Norte e Continental- Blog Giga Medical Leave a comment

Giga Medical – Trazendo o melhor em equipamentos de proteção e hospitalares

Atualizado

A partir desta sexta-feira (1°), será obrigatório o uso de máscara das pessoas que circularem na avenida Beira-Mar Norte, Beira-Mar Continental e no calçadão da região Central de Florianópolis.

Uso de máscara passa a ser obrigatório na Beira-mar Norte, Continental e calçadão Central – Foto: Divulgação/GMF/ND

Conforme a Prefeitura de Florianópolis, quem não usar a máscara também do lado de fora dos estabelecimentos poderá ser multado. Além disso, o órgão especifica que a medida passa a ser necessária independente da atividade.

Quem for flagrado descumprindo o uso obrigatório da máscara receberá advertência da Guarda Municipal de Florianópolis, que será responsável por encaminhar todos os relatórios dessas infrações para a Vigilância Sanitária. Em seguida, será decidido pela multa ou não, nos casos que se enquadrarem como descumprimento de medidas sanitárias para o controle de avanço de epidemia.

Leia também:

O valor, conforme determina a legislação, pode ser de R$ 125, podendo chegar até R$ 2,5 mil, variando de acordo com a gravidade do descumprimento da determinação municipal.

Caso necessário, a Secretaria Municipal de Saúde poderá especificar novos locais por meio de uma portaria.

Recomendações

Nos demais espaços públicos, o uso da máscara segue como recomendação, sendo portanto, como facultativo. Além disso, vale lembrar que o uso de máscaras domésticas não substitui em hipótese alguma, todas as demais medidas de prevenção ao coronavírus como o distanciamento social, higienização, lavagem das mãos e etiqueta da tosse.

Vale lembrar que não é recomendado o compartilhamento da máscara, utilizar de forma que cubra a boca e o nariz, amarrar ou fixar com segurança para minimizar possíveis espaços entre o rosto e a máscara. Além disso, deve evitar tocá-la após fixá-la,  trocar a cada duas horas ou assim que umedecer.

Para a população em geral, recomenda-se que as máscaras sejam produzidas com tecido de saco de aspirador, cotton (composto de poliéster 55% e algodão 45%), tecido de algodão (como camisetas 100% algodão), fronhas de tecido antimicrobiano, fronhas comuns/pano de prato.

Para higienizar a máscara, a administração municipal recomenda imersão em solução com água sanitária (diluição: 1 parte de água sanitária para 50 partes de água) por 30 minutos, para em seguida, enxaguar e deixar secar bem.



Giga Medical – Trazendo o melhor em equipamentos de proteção e hospitalares

Fonte ndmais.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

SHOPPING CART

close