Uncategorized

Noivos não adiam sonho e casam de máscara em plena pandemia – Comportamento- Blog Giga Medical

Giga Medical – Trazendo o melhor em equipamentos de proteção e hospitalares

Noivos e padrinhos durante cerimônia realizada sábado (2). (Foto: Nina Eventos)
Noivos e padrinhos durante cerimônia realizada sábado (2). (Foto: Nina Eventos)

O medo da contaminação pelo coronavírus não impediu que o casal, Filipe Gasques Gomes, 24 anos, e Thamiris de Moraes Foscaches Gasques, 32, celebrasse o amor em Campo Grande, no sábado (2). O casamento na igreja gerou imagens curiosas: noivos e padrinhos no altar usando máscaras de tecidos.

A cerimônia foi realizada na igreja São Martinho de Lima, no bairro Pioneiros. O uso da proteção foi recomendado, e os acessórios foram utilizados pelo casal e convidados, durante toda a cerimônia, não só para fotografias, juram os noivos. Os presentes ainda tiveram que sentar nos bancos com 1 metro de distância e fizeram higienização das mãos, detalha a cerimonialista Roselaine Silva.

“Só adiaríamos caso a igreja estivesse fechada. Iríamos nos casar, mesmo que a igreja não pudesse ser decorada e não conseguíssemos os trajes apropriados para o momento, como terno e vestidos”, comentou o noivo, auxiliar administrativo e gestor de mídias sociais, que oficializou o noivado com Thamiris em 17 de abril de 2019.

Noiva e madrinhas de máscaras. (Foto: Nina Eventos)
Noiva e madrinhas de máscaras. (Foto: Nina Eventos)

Com a pandemia, muitos dos planos tiveram que ser modificados, conta Filipe. “Já não faríamos festa, mas tínhamos uma lista de 350 convidados para a cerimônia e, devido ao decreto, foram somente nossos pais e padrinhos. Ficamos acompanhando as notícias para saber se as igrejas deveriam ficar completamente fechadas. Caso isso acontecesse, precisaríamos adiar, mas, no fim, deu tudo certo”, diz.

Lamentando a ausência dos convidados, os noivos afirmam que essa foi a maneira de cumprir com as exigências. “Precisávamos cumprir o decreto que pedia uma lotação de, no máximo, 30% da capacidade total da igreja. Acabamos voltando, meio que forçadamente, com o nosso pensamento de casarmos com poucos convidados. Com certeza gostaríamos que toda a nossa família estivesse presente, mas, infelizmente, com todo esse acontecimento, não foi possível”.

Apesar das recomendações para que seja evitado eventos ou comemorações, os noivos que não cogitaram adiar afirmam que tomaram precauções. “No mesmo dia, à tarde, os responsáveis  da igreja realizaram a desinfecção do ambiente; havia álcool 70% bem na entrada, disponível para todos; durante a cerimônia, todos ficaram sentados a uma distância segura um do outro; nossa cerimonialista passou a todos, através de um grupo no WhatsApp, todas as medidas necessárias, e uma delas foi evitar cumprimentos”.

A cerimônia teve duração de aproximadamente 50 minutos. “Ficamos um pouco próximos somente para tirar as fotos, mas foi tudo bem rápido”, garante o noivo.

Filipe e Thamires estão juntos desde 2018. Logo que noivaram, procuraram uma forma de juntar dinheiro para o casamento. “Nosso primeiro pensamento era realizar uma cerimônia com pouquíssimas pessoas (mal sabíamos o que estava por vir) e sem festa”.

O casal vendeu trufas durante meses até de madrugada para investir no casamento. “Foram mais de 6 mil unidades vendidas nos comércios dos nossos bairros, aos finais de semana. Paramos de vender no início de março, bem no início da pandemia, mas decidimos que manteríamos a data com o que já tínhamos”, finaliza.

Curta o Lado B no Facebook e no Instagram. Tem uma pauta bacana para sugerir? Mande pelas redes sociais, e-mail: [email protected] ou no Direto das Ruas através do WhatsApp do Campo Grande News (67) 99669-9563.

Após a cerimônia, noivos fizeram ensaio na Rua 14 de Julho vazia. (Foto: Júnior Assunção Fotografia)
Após a cerimônia, noivos fizeram ensaio na Rua 14 de Julho vazia. (Foto: Júnior Assunção Fotografia)



Giga Medical – Trazendo o melhor em equipamentos de proteção e hospitalares

Fonte www.campograndenews.com.br

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *