Uncategorized

Famílias carentes podem retirar kit de máscara nos Cras da cidade – Jornal de Piracicaba

Máscaras foram doadas pelo Rotary Luiz de Queiroz (Foto: Amanda Vieira/JP)

Pessoas em vulnerabilidade social podem retirar um kit de máscara e instruções de uso nos Cras (Centros de Referência da Assistência Social) da cidade. Aqueles que não estão no Cadastro Único devem levar CPF e comprovante de residência. Segundo a Smads (Secretaria Municipal de Assistência e Desenvolvimento Social), a orientação é que um responsável maior de 16 anos, portando documento com foto, retire os kits para a família.

Cada kit é composto por duas máscaras de tecido tricoline duplo. Os kits foram doados à prefeitura pelo Rotary Club Luiz de Queiroz. “O Rotary nos procurou porque entende que nós conseguimos mapear mais eficientemente quem precisa deste acessório, obrigatório e fundamental, neste período de pandemia que atravessamos”, conta Fabiane Fischer Gomes Oliveira, titular da pasta.

De acordo com Rosely Assis, secretária do Rotary, a entidade desenvolve o projeto desde março com ajuda de cerca de 200 costureiras voluntárias, com objetivo de que a prefeitura distribua as proteções. No total já foram produzidas 66 mil máscaras. “Nós ainda temos em fabricação mais de 25 mil”, conta.

Também são parceiros do Rotary neste projeto, além das voluntárias, o Tiro de Guerra, a Acipi e o Sicredi.

Piracicaba tem seis Cras. O do Jardim São Paulo fica na rua Professor Felinto de Brito, 366; do Mario Dedini, na avenida Luiz Ralf Benatti, 1400; do Novo Horizonte, na avenida Frei Francisco Antonio Perin, 925; do Piracicamirim, na rua Leontino Boscariol, 50; do bairro São José, na avenida Demosthenes dos Santos Corrêa, 1333; e da Vila Sônia, na rua Padre Otto Andreas Josef Wolf, 720.

Andressa Mota

Giga Medical – Trazendo o melhor em equipamentos de proteção e hospitalares

Fonte www.jornaldepiracicaba.com.br

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *