Uncategorized

Homem é detido depois de se recusar a usar máscara em loja

Um homem de 44 anos foi detido pela Polícia Militar na madrugada deste sábado, 6, após ameaçar o segurança de uma loja de conveniência de um posto de combustível com um facão. A confusão teria começado após o homem se recusar a usar máscara de proteção facial e ser obrigado a sair do estabelecimento. O caso ocorreu na Avenida Gerassina Tavares, no bairro Vista Alegre, em Rio Preto. O suspeito foi autuado pelo crime de ameaça, mas foi solto após prestar depoimento na Central de Flagrantes.

Segundo informações policiais, há um cartaz com informações sobre a obrigatoriedade do uso de máscara facial na entrada da loja, em cumprimento ao decreto estadual que determina o uso do equipamento contra contaminação pela Covid-19.

Quando tentou entrar na loja, o homem foi avisado pelo segurança do estabelecimento sobre a obrigatoriedade. Com relutância, ele teria colocado a proteção no rosto, mas com ironia avisou que não manteria a máscara no rosto porque ninguém poderia obrigá-lo a utilizá-la o tempo todo.

Seguindo as regras do estabelecimento, o segurança colocou o homem para fora da loja quando notou que ele estava sem máscara. Inconformado, o suspeito pegou um facão que tinha no carro e passou a ameaçar o funcionário.

A Polícia Militar foi chamada e o homem precisou ser algemado. O facão foi apreendido. Após prestar depoimento ao delegado de plantão, Roberval Macedo, na Central de Flagrantes, ele foi solto e responderá a inquérito policial por ameaça.

O homem disse que pretende registrar um boletim de ocorrência contra o segurança.



Giga Medical – Trazendo o melhor em equipamentos de proteção e hospitalares

Fonte www.diariodaregiao.com.br

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *