Uncategorized

Hospitais do Vale recebem mais de R$ 18 milhões do Estado

Blog Giga Medical

VALE DO TAQUARI | O Governo do Rio Grande do Sul anunciou o envio de valores da segunda parcela de repasses emergenciais definidos pela Lei nº 13.995 e pela portaria do Ministério da Saúde nº 1.448. O valor total de R$ 92,9 milhões é proveniente do Ministério da Saúde e será encaminhado as santas casas e hospitais filantrópicos do Estado para o enfrentamento à pandemia da Covid-19.

O repasse será dividido entre 158 hospitais sob gestão do Governo, que oferecem serviços à população por meio do Sistema Único de Saúde (SUS). A portaria ainda prevê um repasse de R$ 82,6 milhões para 77 hospitais filantrópicos, que estão sob administração de municípios. No Vale, 20 casas de saúde irão receber um montante de R$ 18,5 milhões (confira tabela).

De acordo com a secretária Estadual de Saúde, Arita Bergmann, mesmo em meio a uma pandemia, a pasta está conseguindo de viabilizar o atendimento hospitalar à população. “A assistência hospitalar é fundamental em todas as épocas, mas principalmente agora”, enfatizou. A secretária adjunta Aglaé Regina da Silva acrescentou que o trabalho conjunto é extremamente importante para que tudo seja feito da melhor maneira possível.

Divisão

De acordo com a secretaria de Saúde do Estado, os critérios de distribuição da segunda parcela foram os dados epidemiológicos do avanço do novo coronavírus, o número de leitos de cada hospital filantrópico que atende por meio do Sistema Único de Saúde (SUS) e os valores da produção dos serviços ambulatoriais e hospitalares de média e alta complexidade (MAC) realizados em 2019. Também foram incluídos hospitais que haviam ficado de fora da primeira parcela.

A verba poderá ser aplicada na compra de medicamentos, suprimentos, insumos, produtos e equipamentos hospitalares. Também pode ser utilizada em pequenas reformas e adaptações para aumento da oferta de leitos de terapia intensiva e na contratação e no pagamento dos profissionais de saúde necessários para atender a demanda adicional.

Para o presidente do Conselho das Secretarias Municipais de Saúde do Rio Grande do Sul (Cosems/RS), Diego Espíndola, poucos estados conseguiram dar agilidade aos repasses das verbas federais como o Rio Grande do Sul.



Giga Medical – Trazendo o melhor em equipamentos de proteção e hospitalares

Fonte www.informativo.com.br

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *