Uncategorized

Hospital Prontovida divulga balanço de atendimentos a pacientes de Covid-19 em JP

Blog Giga Medical

O Hospital Prontovida, inaugurado pelo prefeito Luciano Cartaxo exclusivamente para receber pacientes de Covid-19, completa dois meses de funcionamento nesta quarta-feira (15).

Neste período, a unidade hospitalar já atendeu 244 pacientes e, no momento, 39 deles seguem internados.

Atualmente, o hospital conta com um total de 68 leitos, sendo 40 de enfermaria, 26 de UTI e dois leitos de estabilização para pacientes graves.

O serviço tem capacidade de chegar até 114 leitos, que podem ser abertos conforme a necessidade de internação.

Para o secretário municipal de Saúde, Adalberto Fulgêncio, o Prontovida cumpre um importante papel na assistência aos pacientes de Covid-19 em João Pessoa.

“Temos um hospital equipado e com equipe preparada, que tem recebido e prestado todo atendimento necessário aos pacientes, sendo fundamental para a Rede Municipal de Saúde neste momento de pandemia”, afirmou.

A unidade hospitalar foi inteiramente equipada para atender as complexidades dos pacientes com Covid-19.

Em suas instalações, os pacientes podem fazer exames laboratoriais, de raio-x e de ultrassonografia. O Prontovida também dispõe de farmácia, central de abastecimento, laboratório e radiologia.

Foto: Secom/JP

Foto: Secom/JP

Os pacientes contam, ainda, com o atendimento de médicos clínicos, cardiologistas, intensivistas, enfermeiros, auxiliares de enfermagem, assistentes sociais, psicólogos, nutricionistas, farmacêuticos e fisioterapeutas. Ao todo, são 517 profissionais trabalhando para prestar assistência à população.

De acordo com a diretora geral do Prontovida, Verônica Gadelha, o serviço, soma junto a uma rede de assistência para garantir um cuidado integral aos pacientes que precisam de hospitalização.

“Temos uma equipe capacitada e qualificada para proporcionar toda assistência. Os profissionais, seja da parte assistência quanto da administração tem se dedicado de forma humanizada para atender todos que necessitam desse cuidado. Estamos todos envolvidos na mesma missão: salvar vidas!”, completou a diretora.

O Prontovida não é portas abertas, ou seja, os pacientes com suspeita de estarem infectados com a Covid-19 não devem buscar atendimento diretamente na unidade.

O hospital está preparado para receber pacientes diagnosticados com a doença, encaminhados por outros serviços, a exemplo das Unidades de Pronto Atendimento (UPAs).

Rede integrada – Além do Prontovida, o atendimento a pacientes de Covid-19 na Rede Municipal de Saúde, também acontece em outros serviços.

O Hospital Santa Isabel tornou-se um dos centros de combate à doença, assim como as quatro UPAs, de Cruz das Armas, Valentina, Jardim Oceania e Bancários, passaram a ser 100% direcionadas para pacientes de novo Coronavírus.

Cada UPA de João Pessoa possui 3 leitos de UTI, para estabilização de pacientes graves, e 6 clínicos para casos moderados.

Completa a rede de prevenção ao vírus, o Hospital Infantil do Valentina, além do São Luiz e do Hospital Universitário Lauro Wanderley, estes dois últimos como unidades credenciadas. Ao todo, são 282 leitos disponibilizados exclusivamente para os pacientes de Covid-19.

A realização de testes para identificação da doença é feita nas Policlínicas e 54 Unidades de Saúde da Família (USF), exclusivamente para pacientes com síndromes gripais.

Mas, para organizar o fluxo, antes de buscar atendimento direto em alguma das unidades, as pessoas com sintomas de Coronavírus devem acionar a Central de Orientações, no telefone (3218-9214) ou utilizar o aplicativo Monitora Covid-19.



Giga Medical – Trazendo o melhor em equipamentos de proteção e hospitalares

Fonte paraibaonline.com.br

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *