Uncategorized

meta é chegar a 3 milhões

Blog Giga Medical

Item essencial na prevenção ao novo coronavírus, a máscara facial tem sido uma grande aliada da população e do Governo do Distrito Federal. Desde o fim de abril, quando o uso do acessório passou a ser obrigatório para o brasiliense transitar em locais públicos, o GDF distribuiu gratuitamente mais de 1,2 milhão de máscaras.

O número é expressivo e equivale a aproximadamente 40% da população estimada do DF, de 3,04 milhões, segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A previsão da Secretaria de Governo, responsável pela coordenação das ações de distribuição das máscaras, é de que a oferta chegue a 3 milhões de unidades, incluindo os acessórios que serão liberados para o retorno das aulas presenciais na rede pública de ensino.

Para evitar que a doença se espalhe rapidamente pelas ruas, o GDF tem adotado ações permanentes e distribuído máscaras em locais de grande circulação, de acordo com a evolução dos casos nas regiões administrativas.

Para todo o DF

A doação pelo GDF teve início em abril em locais de grande circulação de pessoas, como terminais rodoviários e no Metrô. Essa escolha levou em conta pontos onde haveria um fluxo maior de trabalhadores que, aos poucos, estavam retomando aos postos de trabalho durante o processo de reabertura gradual das atividades.

Em maio, um grande grupo passou a ser contemplado com as máscaras: Sistema Penitenciário; forças de segurança (polícias Civil e Militar, Corpo de Bombeiros e Defesa Civil); Rodoviária do Plano Piloto e demais terminais rodoviários; Detran; as 33 regiões administrativas e as secretarias de Cidades, Governo, Obras, Economia, Educação, Saúde e DF Legal.

No mês seguinte, em junho, a doação ganhou reforço no Brasília Ambiental, Novacap, secretarias de Esporte e Lazer e de Justiça e Cidadania, e no Serviço de Limpeza Urbana (SLU). Cada órgão e secretaria repassa o item de acordo com a necessidade. E, assim, reforça a segurança e proteção social.

Veja imagens: 

0

Nas regiões administrativas, inclusive, o estoque foi de 630.500 máscaras até o último balanço, em 9 de julho. A maior parte delas foi para Ceilândia, com 107.100 itens, onde há mais casos em todo o DF.

Parceria com a Federação das Indústrias do Distrito Federal (Fibra) permitiu a confecção de 454.545 máscaras. Outras 635.800 unidades vieram da Secretaria de Justiça, que se somam às 92.750 da Fábrica Social e às 30 mil do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial (Senac). Junto, esse time chegou aos 1,2 milhão de máscaras distribuídas ou que permaneceram em estoque entre abril e julho. (Com informações da Agência Brasília)

Giga Medical – Trazendo o melhor em equipamentos de proteção e hospitalares

Fonte www.metropoles.com

Related Posts

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *